Deus – Pato Fu

Deus
Pato Fu

Deus está no sinal vendendo chiclete
Outro me assaltou
Levou todo o meu dinheiro
Me espetou com canivete
Deus arranhou meu carro
E bagunçou meu lixo
Deuses passam fome
A gente passa por cima
Deus é menos que um bicho
Deus mentiu pra mim
Diz que não foi ele
Outro Deus é que é o ladrão
E um que tá pedindo pra ajudar
A mãe doente e dois “irmão”

Deus, meu Deus
Será que você
É só uma ilusão?
Não pode estar vivo
Você come lixo
Você come poluição

Anúncios

Life Is Like a Boat

Life Is Like a Boat
Rie Fu

Nobody knows who I really am,
I’ve never felt this empty before.
And if I ever need someone to come along,
Who’s gonna comfort me and keep me strong?
We are all rowing the boat of fate
The waves keep on coming and we can’t escape
But if we ever get lost on our way
The waves will guide you through another day
Tooku de iki wo shiteru
toumei ni natta mitai
Kurayami ni omoeta kedo
mekakushi sareteta dake
Inori wo sasagete
atarashii hi wo matsu
Azayaka ni hikaru umi
sono hate made ee~
Nobody knows who I really am
Maybe they just don’t give a damn
But if I ever need someone to come along
I know you will follow me and keep me strong
Hito no kokoro wa utsuri yuku
nukedashitaku naru
Tsuki wa mata atarashii shuuki
de mune wo tsureteku
And every time I see your face
The oceans lead out to my heart
You make me wanna strain at the oars
And soon I can see the shore
Oh, I can see the shore…
When will I see the shore?
I want you to know who I really am
I never thought I’d feel this way toward you
And if you ever need someone to come along
I will follow you and keep you strong
Tabi wa mada tsuzuiteku
odayaka na hi mo
Tsuki wa mata atarashii shuuki
de mune wo terashidasu
Inori wo sasagete
atarashii hi wo matsu
Azayaka ni hikaru umi
sono hate made
And everytime I see your face
The oceans lead out to my heart
You make me wanna strain at the oars
And soon I can’t see the shore
Unmei no fune wo kogi
nami wa tsugi kara tsugi e to
Watashi-tachi wo osou kedo
sore mo suteki na tabi ne
Dore mo suteki na tabi ne…

A Vida É Como Um Bote

Ninguém sabe quem eu realmente sou..
Eu nunca senti este vazio antes
E se eu em algum momento necessitar de alguém, que permaneça comigo
Quem irá me confortar, e me manter forte?
Nós estamos todos remando o barco do destino
As ondas ficam vindo em nossa direção e nós não podemos escapar
Mas se nós nos perdermos em nossos caminhos
As ondas irão guiá-lo através de um outro dia
Tendo apenas um suspiro distante,
parecendo ter crescido transparente
Embora eu pudesse ver na escuridão,
Apenas fui cegada
Ofereça suas preces
e espere por um dia novo
para chegar até aquela costa,
Onde o mar vívido brilha
Ninguém sabe quem eu realmente sou
Talvez eles apenas não liguem
Mas se eu em algum momento necessitar de alguém que permaneça comigo
Eu sei que você me seguiria, e manteria forte
Os corações das pessoas se movem,
Desejando estar livres
A lua acompanha outra vez o barco,
Em um enfoque novo…
E cada vez que eu vejo seu rosto,
Os oceanos transbordam do meu coração
Você me faz querer apressar os remos,
E em breve, eu poderei ver a costa!
Oh, Eu não posso ver a costa…
Quando verei a praia?
Eu quero que você saiba quem eu realmente sou!
Eu nunca pensei que me sentiria desta maneira com você…
E se você, de repente, necessitar de alguém que permaneça com você
Eu te seguirei, e te manterei forte
A viagem continua ainda,
Mesmo em dias calmos
A lua ilumina ainda o barco
em um enfoque novo
Ofereça suas preces
E espere por um dia novo
para chegar até aquela costa
Onde o mar vívido brilha
E cada vez que eu vejo seu rosto,
Os oceanos transbordam do meu coração
Você me faz querer apressar os remos
E logo eu posso ver a praia…
Continue remando no barco de fé!
Embora as ondas fluam para o futuro
e ameacem nos oprimir
esta viagem é também uma viagem maravilhosa!
Uma viagem maravilhosa em cada viagem…

Pato Fu – Água

Aqui tem chovido bastante – a roupa que eu lavo nunca seca antes da chuva seguinte 😦 aí, quando ela finalmente seca, tá com cheiro de roupa que tomou chuva e tem que ser re-lavada. É dose, viu? 

A água, como os demais elementos da natureza, tem que estar em equilíbrio para que consigamos viver em harmonia – e o oposto da chuva em excesso é a seca. Os dois podem ser letais. Pensando nisso, lembrei dessa música dos primórdios do Pato Fu, que eu e o Chronos gostamos bastante, e acho que vocês vão curtir também:

Nada melhor prá depois de um post sobre pop internacional, uma música reflexiva nacional prá equilibrar 🙂

Psy: Live in Seoul

Hoje de manhã abri o YouTube para verificar um vídeo que alguém tinha passado o link, e notei um anúncio “assista agora show do Psy ao vivo”. Se você esteve fora do planeta Terra ano passado, ou está lendo esse blog muitos anos depois do que eu estou escrevendo, Psy é um cantor de K-pop que foi o maior fenômeno midiático do ano passado, com seu clip Gangnam Style, um clip muito engraçado, que contem uma crítica ao modo de vida dos mauricinhos e patricinhas de Seoul (o que a gente aqui no Brasil chama de come ovo frito e vomita caviar tomate, ou, prá mais uma comparação, se Psy fosse paulistano, teriamos o Moema Style).

Enfim, eu tinha escutado muito poucas outras coisas do Psy, mas, no geral, gostei do show. Ele não toca só coisas engraçadas – e fez questão de dizer isso em inglês pros curiosos que, como eu, assisiam no YouTube. Eu e 160 mil outras pessoas ouvimos muitas baladas românticas, umas músicas tristes prá carvalho (tem uma que falava algo como “pai, agora eu te entendo, como é solitário ser pai porque você tem muitas responsabilidades, como é solitário quando seus filhos crescem” e por aí vai, que eu achei realmente muito triste), muitas músicas falando sobre solidão, e sobre como é difícil para os coreanos (para os seres humanos, talvez?) encontrar companheiros de verdade. Fiquei pensando se isso era só Psy Style, ou se essas coisas estão realmente impregnadas nos orientais. Também conhecemos um rapper coreano chamado G-dragon, que parece ter uma legião de fãs, mas confesso que eu só gostei do nome estiloso :p E, é claro, tinham algumas músicas de rítmo alegre com dancinhas toscas, como “Gentleman”, que é o novo lançamento do Psy embalado no sucesso internacional de gangnam style. É uma música bacana mas, comparada com o resto do show, dá prá perceber que só foi feita prá estrangeiro ver no youtube e virar meme mesmo…

Momentos mais legais do show? Quando o Psy saiu voando e cantou duas músicas no ar. Apesar da fama internacional, disso e daquilo, sempre que eu vi o Psy em entrevistas ele pareceu um cara bacana e humilde. Ficou parecendo que, prá além do efeito fantástico no público, chamar a atenção, etc e tal, ele realmente estava fazendo algo que o divertia, e porque o divertia. Uma das músicas que ele cantou voando, inclusive, chama “I believe I can fly”, ou algo assim. O único vídeo dessa parte do show que eu achei foi esse, da decolagem:

Mas, o mais bacana mesmo, foi a performance do Psy para “all the single ladies” – de maiô e bota de cano longo. Eu não sabia que o Psy dança vestido de mulher (não tenho certeza se isso pode ser considerado cros-dressing – se alguém que conhece mais sobre esse universo que eu estiver lendo e puder comentar sobre isso, eu agradeço), mas eu acho realmente MUITO bacana um cara ter coragem de fazer uma coisa dessas num show para um estádio quase lotado de sul-coreanos, e uma platéia de milhões de pessoas de todo o mundo assistindo de suas casas. Procurando esse vídeo, achei pelo menos mais uns três ou quatro dele dançando vestido de mulher. Bem, o vídeo do show de hoje é esse aqui:

Não, eu não gosto dessa música, e não faria uma coreografia dessa nem de calça larga :p Mas eu achei uma atitude interessante.

Um detalhe que eu gostei e do qual eu já ia me esquecendo: A passarela que dava no meio da pista era muito longa, e as pessoas realmente ficavam pertinho dele. Imagina uma celebridade com um palco tão longo e tão perto das pessoas no Brasil? Fãs enlouquecidas iam invadir o palco, tentar encostar no fulano de qualquer jeito e ele ia acabar tropeçando… Não ia dar certo…

Live – The Dolphin’s Cry

Uma musica que fala de amor, não de qualquer jeito ou de qualquer maneira, nada de “eu te amo sua linda…” Mas fala de amor, porque veladamente fala de Aphrodite.

Mas na verdade o que me chama a atenção para essa musica é só esse trecho aqui:
(você pode conferir a letra na integra nesse link. Desconsidere a tradução, não está muito boa.)

“love will lead us, alright /  love will lead us, she will lead us / can you hear the dolphins cry? / see the road rise up to meet us / it’s in the air we breathe tonight / love will lead us, she will lead us..
l ife is like a shooting star / it don’t matter who you are / if you only run for cover, it’s just a waste of time / we are lost ‘til we are found / this phoenix rises up from the ground / and all these wars are over…”

The Beatles – ´Till there was you

Hoje eu estou totalmente envolvida com a criação de um kit de scrap sobre “love songs”. Então, estou ouvindo muitas para me inspirar. E achei essa dos beatles linda. *suspro*

Sim, em algum lugar dentro de mim há uma menininha romântica :p

 

Você pode acompanhar a letra aqui.

Somebody That I Used To Know

Passei o dia pensando nessa musica, mas só agora a noite me lembrei do nome dela. Não conseguia nem sequer lembrar o nome do cara que canta.

Somebody That I Used To Know
Gotye – feat Kimbra

Now and then I think of when we were together
Like when you said you felt so happy you could die
Told myself that you were right for me
But felt so lonely in your company
But that was love and it’s an ache I still remember

You can get addicted to a certain kind of sadness
Like resignation to the end
Always the end
So when we found that we could not make sense
Well you said that we would still be friends
But I’ll admit that I was glad that it was over

But you didn’t have to cut me off
Make out like it never happened
And that we were nothing
And I don’t even need your love
But you treat me like a stranger
And that feels so rough
You didn’t have to stoop so low
Have your friends collect your records
And then change your number
I guess that I don’t need that though
Now you’re just somebody that I used to know

Now and then I think of all the times you screwed me over
But had me believing it was always something that I’d done
And I don’t wanna live that way
Reading into every word you say
You said that you could let it go
And I wouldn’t catch you hung up on somebody that you used to know…

But you didn’t have to cut me off
Make out like it never happened
And that we were nothing
And I don’t even need your love
But you treat me like a stranger
And that feels so rough
You didn’t have to stoop so low
Have your friends collect your records
And then change your number
I guess that I don’t need that though
Now you’re just somebody that I used to know

I used to know
That I used to know

Somebody…

All you need is love

It´s Easy!

letra e tradução aqui.

Guess Who – No Time

Porque as antigas tem sempre que ser as melhores?

Love me two times – The Doors

Love me two timesThe Doors

Love me two times, baby
Love me twice today
Love me two times, girl
I’m goin’ away

Love me two times, girl
One for tomorrow
One just for today
Love me two times
I’m goin’ away

Love me one time
I could not speak
Love me one time
Yeah, my knees got weak

Love me two times, girl
Last me all through the week
Love me two times
I’m goin’ away
Love me two times
I’m goin’ away

Love me one time
I could not speak
Love me one time
Yeah, my knees got weak

Love me two times, girl
Last me all through the week
Love me two times
I’m goin’ away
Love me two times
I’m goin’ away

Love me two times, baby
Love me twice today
Love me two times, girl
I’m goin’ away

Love me two times, girl
One for tomorrow
One just for today
Love me two times
I’m goin’ away

Love me two times, baby
Love me twice today
Love me two times, girl
I’m goin’ away

Entradas Mais Antigas Anteriores

Selinho